Idioma

segunda-feira, 20 de maio de 2013

G.G Allin Hated (Repostagem)

 Hated: GG Allin And The Murder Junkies (1994) È um documentário dirigido por Todd Philips que fala sobre GG Allin em particular com sua banda Murder Junkies. O Documentário inclui ensaios, bastidores, shows caóticos do GG allin e conta com diversas cenas fortes, como de GG Allin defecando durante um concerto com o Muder Junkies. È um documentário bem explicito e bastante interessante, quer você goste ou não de musica Punk.

 O Documentário mostra também depoimentos de integrantes atuais e ex-integrantes da banda, como depoimento de fãs, familiares, criticas positivas e negativas ao comportamento controverso de GG Allin. Outro ponto alto do documentário é trechos da aparição do GG no programa do Geraldo, um programa popular dos estados unidos.

 Depoimentos também do próprio GG allin sobre como pensa, o que resultou em frases marcantes como: Meu rock'n roll não é para entreter é para aniquilar. Contém cenas bem pornográficas como a cena em que arranjam uma garota para mijar na boca de GG e quando ela mija ele vomita acidentalmente. Há momentos mais tranquilos também como quando ele toca violão uma de suas musicas acústicas mais conhecidas Carmelita.

Outro ponto interessante é que foi lançado um CD com musicas do GG tocadas no documentário, a capa do CD é um retrato do GG allin desenhado por ninguém menos que John Wayne Gacy, o serial killer que se vestia de palhaço. Algo que foi citado no documentário era a admiração de GG pelo tal, que ia visitá-lo na cadeia. GG dizia que se não fosse musico seria um serial killer.

Outro ponto interessante, do documentario é uma palestra que GG deu para uns estudantes que por sinal foi um desastre.

Então assistam esse documentário se tiverem o estomago forte. Muito recomendável!

Nenhum comentário:

Postar um comentário